web analytics

Doenças provocadas pelo mergulho

doenças mergulho

A prática de mergulho, quer seja de forma assídua ou esporádica, ou numa vertente mais profissional ou de lazer, pode estar associada a um conjunto de doenças muito específicas.
 
A maioria, está relacionada com as diferenças de pressão barométrica dentro e fora de água.

 
 
 
 
BAROTRAUMA PULMONAR

· É a lesão pulmonar causada por alterações de pressão barométrica.
· É a segunda causa mais comum de acidentes em mergulho amador.
· Fatores desencadeantes – subida rápida sem exalar corretamente o ar, prender a respiração durante a subida, ar retido nos pulmões por crise de asma, excesso de muco ou aspiração de água.
· Se houver ruptura dos pulmões por pressão aérea excessiva, pode ocorrer:
 
 
LESÃO DE TECIDO PULMONAR 

· Dispnéia, dor ao respirar, e tosse (pode ser com sangue).
 
 
EMBOLIA ARTERIAL GASOSA

· Ocorre imediatamente após a subida com sintomas dramáticos
· Alterações neurológicas, dor torácica, palpitações, falta de ar, edema no pescoço, alteração na voz de aparecimento súbito.
· Hemorragia, e choque.

 
 
BAROTRAUMA DE OUVIDO

· Sensação de pressão dentro do ouvido, dor de ouvido, diminuição da audição, tonteiras, náuseas e vômitos.
· Sangramento pelo nariz, boca ou ouvido.

 
 
BAROTRAUMA SINUSAL

· Sensação de pressão facial, dor na região do seio facial afetado, dor de cabeça.
· Sangramento nasal.

 
 
BAROTRAUMA DENTAL

· Dor de dente e hemorragia dentária.
 
 
BAROTRAUMA FACIAL

· Sensação de pressão da máscara contra a face e hemorragia na conjuntiva dos olhos.
 
 
DOENÇA DESCOMPRESSIVA

· Causada pela formação de bolhas de nitrogênio no organismo após o mergulho.
· Sua ocorrência é mais comum em mergulhos superiores a 30 metros.
· Fatores: profundidade, idade, obesidade, condicionamento físico, drogas, frio.
· Os sintomas tornam-se evidentes dentro das primeiras 6 horas após o mergulho, sendo que 50% ocorrem dentro da primeira hora. Os sinais e sintomas dependem da localização das bolhas.

 
 
DORES EM ARTICULAÇÕES

· É o sintoma mais comum e afecta geralmente mais os ombros.
· Os movimentos tendem a agravar a dor.

 
 
DD NEUROLÓGICA

· Pode afetar o cérebro e/ou a medula vertebral.
· Pode comprometer as funções da sensação, movimentação, consciência, reflexos e outras.