web analytics

Recém-nascido expulso da sopa dos pobres por mãe reclamar de leite estragado

Leite-fora-de-validade

Um recém-nascido, foi excluído de um programa de ajuda alimentar após a mãe do bebé ter feito uma reclamação no devido local sobre o prazo de validade do leite. O caso ocorreu no Casal do Sapo, Sesimbra. O respectivo programa de ajuda e solidariedade social, é uma iniciativa proveniente do Rotary E-Club em parceria com a Câmara Municipal de Sesimbra (CDU).
 
“A Doutora responsável pelo projecto parece que vive numa ditadura, ou fazem o que ela quer ou então rua.” “Têm todos de estar de bico calado, não interessa se necessita ou não, pelos vistos, o bebé tinha de beber leite estragado” – afirma José Silva.
 
José silva, já teria reportado anteriormente algumas irregularidades à Câmara Municipal de Sesimbra sobre o mesmo programa o ano passado.
 
 
cmara
 
“Perco aqui a vergonha de dizer que, por circunstâncias da vida, era mais uma pessoa que ia todas as quintas-feiras à sopa dos pobres no Casal do Sapo. Pedi à Doutora que está à frente do projecto, uma lata de leite para o meu bebé. Esta foi a doação que me deram. Claro que falei, e por isso fui banida como castigo. Podemos precisar mas não gozem.” – desabafa Andreia Branco.
 
Contactámos o Rotary E-club mas, até há presente data, a responsável pelo programa não prestou qualquer esclarecimento sobre o caso.