web analytics

Acidente em Sesimbra mata militar da GNR

gnr

Um despiste na madrugada de Terça-feira causou a morte a um militar da GNR, quando seguia para o quartel da Unidade de Intervenção em Lisboa, onde prestava serviço. O acidente ocorreu junto a uma superfície comercial na EN 378, na Cotovia. O militar que integrou algumas missões internacionais de apoio à paz teve morte imediata devido à brutalidade do acidente.
 
Ricardo Chagas, 39 anos de idade, perdeu o controlo da moto que conduzia, foi projectado para a faixa de rodagem e acabou por ser atropelado. A sua moto só foi travada ao embater num segundo carro que seguia na direcção contrária.
 
Os Bombeiros de Sesimbra foram chamados e fizeram manobras de reanimação. O óbito foi declarado no local.
 
O militar da GNR que actualmente desempenhava funções de motorista do comandante de um Grupo de Intervenção de Ordem Pública, deixa dois filhos menores. Era filho único e o seu pai pertenceu ao comando dos Bombeiros Voluntários de Sesimbra.
 

gnr

Imagem de homenagem feita por colegas e amigos nas redes sociais.